Segurança da (sua) Informação é o Maior Ativo

Empresas que não Preservam Conteúdo Relacionado aos Negócios nas Redes Sociais Enfrentan Maiores Riscos

Posted by maiorativo em 26 de julho de 2011

Direito do Povo do Brasil

Promova sua página também

Os riscos incluem danos à reputação e despesas com processos legais e judiciais

MOUNTAIN VIEW, Califórnia – 26 de julho de 2011 – A Symantec Corp. (Nasdaq: SYMC) anuncia os resultados de sua pesquisa 2011 Social Media Protection Flash Poll que analisou como as organizações se protegem das consequências do mau uso dos sites de relacionamento como Facebook e Twitter. O estudo mostra que as mídias sociais são mais usadas a cada dia nas empresas e que os departamentos de TI têm boas razões para se preocuparem. A pesquisa mostra ainda que, em 2010, as companhias em geral passaram por nove incidentes nas redes sociais, entre eles a publicação de informações confidenciais por parte dos funcionários, sendo que 94 por cento sofreram consequências negativas, incluindo danos à reputação, perda de confiança dos clientes, perda de dados e de receita.

As organizações compartilham cada vez mais dados relacionados aos negócios nas redes sociais para se comunicarem com clientes, parceiros e funcionários. Com isso, aumenta também o risco de publicação de informações confidenciais. Por essa razão, é importante que as empresas tenham ferramentas de controle para captação dos dados divulgados nas mídias sociais de forma a estar de acordo com as regulamentações do setor, seguindo os requisitos de supervisão estabelecidos pelos órgãos reguladores; assim como eventuais solicitações de e-Discovery, os métodos para localização e obtenção de dados e informações eletrônicos.

De acordo com o Gartner[1], “até o final de 2013, 50 por cento de todas as empresas serão solicitadas a produzir material a partir de sites de relacionamento para fins de e-Discovery”. Uma solução de arquivamento pode ajudar as organizações a permitir que os funcionários usem as mídias sociais no trabalho e a garantir a preservação, a pesquisa e a localização de conteúdo específico nos ambientes do Facebook, Twitter, LinkedIn, SharePoint e em blogs.

“As empresas sabem como é importante proteger e preservar e-mails, mensagens instantâneas, planilhas e outras informações não estruturadas. Agora, elas precisam reconhecer que o conteúdo que flui pelas redes sociais é igualmente importante. A Symantec permite que as companhias continuem a acessar e compartilhar informações nas redes sociais, capturando e preservando esses dados para fins legais e de conformidade”, afirma Greg Muscarella, diretor sênior de gestão de produtos do Grupo de Gerenciamento de Informação da Symantec.

A pesquisa da Symantec revelou ainda que 82 por cento das empresas estão, pelo menos, discutindo a implantação de soluções de arquivamento. O objetivo seria reunir, preservar e identificar informações de negócios confidenciais transmitidas pelas mídias sociais, juntamente com outras medidas como o estabelecimento de políticas de uso e programas de treinamento de funcionários. No entanto, menos de um quarto já implantou alguma dessas tecnologias e políticas.

A pesquisa descobriu os três principais incidentes nas mídias sociais experimentados pelas empresas ao longo do ano passado:

lmd_source="23224640";banner_id="5";i_w="468";i_h="60";c="BR";

• Funcionários compartilhando muitas informações em redes públicas (46 por cento);
• Perda ou exposição de informações confidenciais (41 por cento);
• Maior risco de processos judiciais (37 por cento).

Mais de 90 por cento dos entrevistados que tiveram um incidente em mídias sociais também sofreu consequências negativas, incluindo:

• Queda no preço das ações (custo médio: US$ 1.038.401,00);
• Despesas com processos judiciais (custo médio: US$ 650.361,00);
• Custos financeiros diretos (custo médio: US$ 641.993,00);
• Danos na reputação da marca/perda de confiança dos clientes (custo médio: US$ 638.496,00);
• Perda de receita (custo médio: US$ 619.360,00).

“Foi exatamente por isso que adicionamos na versão mais recente do Enterprise Vault 10 um recurso para que as organizações preservem, pesquisem e localizem informações nos sites de relacionamento, além de já poderem fazer isso em e-mails e outros dados não estruturados. A orientação dos funcionários e o treinamento sobre como usar adequadamente as mídias sociais para fins de trabalho é tão importante quanto ter essas tecnologias”, acrescentou Muscarella.

Recomendações da Symantec
• Como com todos os outros meios de comunicação corporativa, defina a forma de usar as mídias sociais e oriente os funcionários sobre os conteúdos apropriados para publicação;
• Identifique e entenda os requisitos legais ou regulamentares e estabeleça políticas que atendam às exigências de retenção de conteúdo em mídias sociais;
• Implemente uma solução de arquivamento para automaticamente capturar e reter os conteúdos publicados em mídias sociais para fins de e-Discovery;
• Implante uma solução de prevenção contra perda de dados capaz de fornecer outra camada de proteção e assim evitar que informações confidenciais e proprietárias vazem para fora da empresa por meio das mídias sociais.

Fonte: Symantec

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: